Sobre a Fênix

Nossa instituição, a Associação Fênix, é uma Organização Não Governamental – ONG, fundada em 21 de junho de 2006, tendo como missão combater a violência, dando ênfase a violência sexual e doméstica, conflitos familiares e atender crianças, adolescentes e jovens vivendo e/ou convivendo[1] com HIV/Aids por meio da socialização de informações e oferta de apoio psicossocial. Oferta oficinas lúdicas (saúde, meio ambiente, educacional, cultura, regras e combinados), reforço escolar, incentivo à leitura, dinâmicas grupo e individual, atendimento psicológico individual e familiar, aconselhamento psicológico individual e em grupo, ludo terapia infantil, psicopedagogia, assistência social, visitas domiciliares e assistência jurídica.

Os encaminhamentos para atendimentos são realizados pelos municípios do Paraná, principalmente a região metropolitana, e também poroutros estados, há nove Conselhos Tutelares de Curitiba e os Conselhos Tutelares da Região Metropolitana,Juizado da Vara da Família, Infância e da Juventude, Ministério Público, Hospital de Clínicas, Hospital Oswaldo Cruz, Hospital Pequeno , Príncipe, Delegacia da Mulher, NUCRIA, CRAS, CREAS, abrigos conveniados e abrigos não conveniados, escolas e ONGs parceiras, além dos atendimentos por demanda espontânea.

Atualmente a Associação Fênix participa ativamente dos Conselhos: Conselho Estadual de Saúde, Comissão Estadual de DST/Aids e Vigilância em Saúde; CEDCA – Conselho Estadual de Direitos da Criança e do Adolescente; Conselho Municipal de Saúde, Comissão de DST/Aids; COMTIBA (Conselho municipal dos direitos da criança e do adolescente), Comissão Municipal da Saúde da Criança; Conselho Mãe Curitibana; Conselho Municipal da Juventude; Conselho Municipal de Mulher, Comissão Municipal de Saúde da Mulher; Comissão Municipal do Homem; CMAS (Conselho Municipal de Assistência Social); Comissão Municipal de Saúde Mental; Comissão Municipal de Saúde do Idoso; Fórum Paranaense de DST/HIV/Aids; FETI – Fórum Estadual de Erradicação do Trabalho Infantil; Fórum de Educação e Direitos Humanos. Afim de promover e efetivas políticas públicas ao público atendendo, por demandas e necessidades apresentadas nos atendimentos e atividades desenvolvidas. Dentre os conselhos e comissões, a equipe profissional da Associação Fênix ocupa cadeiras como ouvintes, bem como também, cadeiras de atividade como conselheiros. Importante ressaltar, que dentre as atividades externas realizadas pela instituição, há integrantes dentro da equipe, que exercem a função de agentes de proteção vinculados a Vara da Infância e da Juventude praticando abordagens integradas em prol da proteção da crianças e  adolescentes em vulnerabilidade social.

Desde a sua implantação, pode-se verificar a transformação da Associação Fênix em um ponto de referência efetiva no trabalho com crianças, adolescentes, jovens e suas famílias em estado de vulnerabilidade, bem como no que tange a violência sexual e doméstica, principalmente o abandono, a negligência, abuso e exploração sexual e a exploração do trabalho infanto-juvenil e mais recentemente, a síndrome da alienação parental, que vem causando sérios danos em meio ao contexto familiar, são contextos familiares focados na cidade de Curitiba e Região Metropolitana, desenvolvendo ações de: advocacy, protagonismo juvenil, autoestima, volta ao ensino formal, atendimento psicossocial individual, passeios culturais e ecológicos, fortalecimento e/ou restituição dos vínculos familiares, atendimento às casas lares, retorno à família reestruturada, sempre com foco no pleno desenvolvimento de sua cidadania. A preocupação com problemas na vida cotidiana e na manutenção da disciplina,bem como o aumento de atitudes agressivas, atos violentos, transgressão de regras, violação dos direitos alheios, entre outras manifestações antissociais no ambiente familiar e escolar, evidencia importantes desajustes na relação pai/educador/aluno. Os pais ou o educador, diante de tal situação, necessita conhecer as causas e consequências destes problemas para então buscar soluções e evitar o agravamento e a disseminação deste padrão de comportamento, passando do âmbito individual para o coletivo.

Como um Centro de Referência, permite ao público alvo encontrar oportunidades de desenvolver um comportamento crítico-criativo, sua sensibilidade, a autoconfiança e ter condições de avaliar sua própria situação na sociedade, construindo uma nova identidade, resgatando a autoestima através da oferta de oportunidades educativas, preventivas, culturais, socializadoras e profissionais.

A Associação Fênix produz resultados de grande importância no campo da busca e valorização da cidadania junto ao seu público atendido, possibilitando uma real e significativa melhoria na condição de vida dessa clientela, atingindo e permitindo a consolidação de um novo olhar e uma nova forma de perceber a violência física, emocional/mental e sexual em crianças e adolescentes.

A instituição privilegia o indivíduo em sua singularidade e modo de viver, da a responsabilização do sujeito e o exercício de seu direito e responsabilidade de escolha, a Entidade vem buscando, desde então, desenvolver trabalhos de pesquisa, planejamento, execução, avaliação e reprogramação dos serviços ofertados em quatro campos de ação: clínica em atendimento terapêutico individual e ou em grupo, pesquisa buscando entender e conhecer o perfil do agressor, da família vítima de violência e as formas de combater as mesmas, prevenção através de palestras, execução se seminários nacional, regional, estadual e municipal, conferências, eventos e atividades dentro e fora da instituição, suporte assistencial, com visitas domiciliares, acompanhamento dos atendimentos e dos grupos focais.

Na Associação Fênix há profissionais com experiência no trabalho junto a crianças, adolesrios de drogas, pessoasa crianças, adolecentes e adultos usutcentes, jovens e adultos, pessoas vivendo e convivendo com HIV/Aids, e com problemas emocionais que afetam seu desenvolvimento pessoal e social, desenvolvendo estudos e ações que abordam a ética e cidadania, violência sexual e doméstica contra crianças e adolescentes, meio ambiente, doenças sexualmente transmissíveis, reciclagem de materiais, cooperativismo, acolhimento institucional  entre outras. Intensificando de forma significativa o trabalho junto a população excluída, em sua maioria, jovens com conflito familiar ou em conflito com a Lei, população de rua e famílias de áreas de ocupação irregular e/ou de comunidades periféricas, pessoas vivendo e convivendo com HIV/Aids, sem documentação e sem trabalho, com nenhuma ou baixa escolaridade, que sobrevivem através de atividades.

A Associação Fênix é uma das únicas instituições no Brasil a atender o “suposto abusador”através de acolhimentos com a Equipe do Serviço Social, em seguida como agente de proteção da Vara da Infância e Juventude de Curitiba, e em seguida se inicia o tratamento psicossocial especializado, com fortalecimento psicológico onde realizamos encaminhamentos quando necessário.

A equipe, por ser interdisciplinar e estar constantemente se aperfeiçoando, vem conseguindo oferecer capacitações e cursos dentro e fora da organização na área de desenvolvimento profissional (empreendedorismo, cursos profissionalizantes dinâmicos, desenvolvimento e gerenciamento de projetos), e na área psicossocial (saúde, meio ambiente, ética e cidadania, cultural através da Edu comunicação, educacional com encaminhamento para menor aprendiz, sexualidade trabalhando direito sexual e direito reprodutivo, prevenção, abuso sexual e violência doméstica), esses cursos dentro da instituição tem no mínimo 20 horas cada.

[1] Convivendo são pessoas próximas as pessoas que vivem com HIV/Aids, ou seja,são familiares, amigos, namorados, casados e etc.

 

Público atendido: A Associação Fênix atende crianças, adolescentes e jovens na faixa etária de 0 a 29 anos  e idosos acima de 60 anos em situação de vulnerabilidade pessoal e social, vítimas de abuso ou violência sexual, portadores (as) do HIV/Aids, familiares e agressores moradores da Cidade de Curitiba e Região Metropolitana. Os atendimentos são realizados na sede da ONG, obedecendo aos seguintes critérios:

 

  • Situação de vulnerabilidade pessoal e social;
  • Vítimas de abuso ou violência sexual;
  • Pessoas Vivendo com HIV/Aids;
  • Familiares das crianças e adolescentes;
  • Agressores (as) em situação de Liberdade Assistida.

 

FUNCIONAMENTO: Atendimentos com Psicólogos (a), Assistentes Sociais, Psicopedagogo (a) , Fonoaudiólogo (a), e Mediação de Conflitos (com horário agendado).
Atendimento com supostos abusadores (com horário agendado) das 09:00 as 12:00hs e das 13:00 as 18:00hs. (dia reservado)
Telefones de contato: 41 – 3082-8018 / 3353-8017
E-mail: fenix@fenixacoespelavida.org.br

 

Nossos Registros:

 

  • CMAS Certificado numero 735
  • COMTIBA Certificado numero 332
  • Utilidade Pública Municipal: Lei 12.406 de 13 de setembro de 2007
  • Utilidade Pública Estadual: Lei 15.641 de 02 de outubro de 2007
  • Vigilância Sanitária Certificado numero: 02.009/2012
  • Alvará: 908.612
  • CNPJ: 08.403.113/0001-40